Líder defende plebiscito em 2018 para população opinar sobre modelo eleitoral

(Brasília, 30 de agosto de 2017) – O líder do PSDB na Câmara, deputado Ricardo Tripoli (SP), defendeu a realização de um plebiscito durante as eleições de 2018 para que a população participe ativamente da reforma política. O tucano adiantou que há entendimento para a votação, na próxima terça-feira (5), do relatório da deputada Shéridan (RR) à PEC 282/16, que propõe mudanças no sistema político-eleitoral.

Com o plebiscito, os cidadãos poderiam escolher, por exemplo, modelos como o distrital misto e o distritão, além de optar pelo tipo de financiamento das campanhas: público ou privado. Tripoli sugere que, nas eleições de 2018, seja usado um modelo provisório. “Depois de dois anos, já teríamos o modelo escolhido pelo eleitor, o que eu entendo como mais factível para que todos nós pudéssemos apresentar um projeto com a participação da população”, explicou da tribuna.

A realização do plebiscito em conjunto com as eleições nacionais representa uma economia, já que a estrutura usada é a mesma. “Na própria eleição, o eleitor vai dizer o que prefere e, assim, podemos buscar sugestões e caminhar na busca por uma solução, não só da classe política, mas em conjunto com os brasileiros”, declarou.

PEC 282
Em função da sessão do Congresso Nacional nesta quarta-feira (30) para análise dos vetos presidenciais e da meta fiscal, a votação da PEC 282 ficou para a próxima semana. A proposta mantém o atual sistema proporcional nas eleições para deputados e vereadores, mas extingue as coligações partidárias a partir de 2018, e cria uma cláusula de desempenho para as legendas.

Pela quantidade insuficiente de presentes, ainda não foi possível votar a proposta, que exige quórum qualificado de três quintos dos votos. A deputada Shéridan acredita que a PEC alcançou ampla maioria de entendimento na Casa após muito debate. “Construir o consenso com um grande número de partidos não é fácil, mas há grande mobilização para votarmos”, afirmou.

Deixe um comentário